Ouvindo Guitarras

Ouvindo Guitarras – episódio nº 5 – Mellow Guitar

Por Thadeu Maia*
Especial para Na Caixa de CD

mellow guitarOuvir as gravações de George Van Eps é como viver no filme “Meia noite em Paris”, um lugar em que o passado foi sempre melhor e mais criativo que os tempos atuais! Além de ter sido um dos primeiros a usar guitarras de sete cordas, Van Eps consegue colocar a guitarra jazz em um patamar superior. Seus arranjos possuem conduções de vozes complexas como uma teia de aranha, um emaranhado polifônico, que faz qualquer violonista clássico se perguntar “ por que eu nunca tentei tocar algo assim?” Ele joga uma partida de xadrez com os limites da harmonização e, no final, George, ou melhor, a guitarra sai como vencedora. Em algumas faixas deste álbum “Mellow Guitar” (2000), ele toca acompanhado apenas por percussão. Isso mostra o quanto seus arranjos conseguem preencher toda a história contada. Eu tenho o primeiro caderno de harmonia dele e ainda não consegui reunir coragem para estudá-lo. Depois de ouvir as gravações desse disco, imagino como deve ser o entrelaçamento das digitações.

*Violonista do Duo Maia

Deixe uma resposta