MPB

Rios de Janeiro: 12 odes à cidade

rios de janeiro

Uma carta de amor a uma cidade de tantas cores e desafios, alegrias e contradições. Este é o ponto de partida de “Rios de Janeiro”, álbum que traz 12 faixas de artistas e compositores selecionados através de um concurso que reuniu cerca de 140 compositores e 180 músicas inscritas.

O projeto, capitaneado pela produtora cultural Yug Werneck e pelo produtor musical Fil Buc, tem por objetivo celebrar os tons e sons da Cidade Maravilhosa sob o olhar afetuoso de novos e diversos talentos. O álbum foi contemplado em edital da Lei Aldir Blanc via Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa e Secretaria Nacional de Cultura (governo federal) e está disponível nas principais plataformas de streaming.

O repertório de “Rios de Janeiro” reflete a diversidade cultural e musical da cidade. Da bossa nova celebrada pela cantora sul-coreana radicada no Rio, Yumi Park (“Assim Ser Feliz”), passando pela MPB de Julie Wein (“Caprichoso”), Luiza Breves (“Gentileza”) e Júlia Guimarães (“O Rio Só Quer te Abraçar”), às guitarras que vão do rock ao jazz de Arthur Liory – que toca em “Assim Serr Feliz” e “Procura-se um Herói Carioca”-, chegando ao R&B de Victor Vasconcellos (“Amo o Rio”) e a nomes promissores do cenário independente como Gabriel Hipólyto (“No mesmo Quadrado”), André Araújo (“Grumari”), Pamela Fom (“Eu Vou Pro Rio”), Lelê Floresta (“Ladeira D’Água”), Brenda Luce (“Rio”), Dudu Godói (“Ela Adora”), Pepê Canongia (compôs e toca em “Procura-se um Herói Carioca”), Gabriel Loddo (assina o arranjo e toca em “O Rio Só Quer Te Abraçar”), Markus Britto (compôs e toca em “Assim Ser Feliz”) e Bulo (“procura-se um Herói Carioca”). Ouça o álbum aqui:

A ideia do projeto surgiu da vontade da Yug e do Fil de valorizarem os compositores, tão comumente deixados em segundo plano no mercado musical, em especial no momento atual, quando a pandemia colocou uma pausa por tempo indeterminado na renda de muitos profissionais desse setor. Com isso, conseguiram garimpar composições como “Caprichoso”, de JoLuiz Cavalcante, que contou com arranjo de Fernando Merlino; e “O Rio só quer te abraçar”, do compositor Ricardo Camargos e do letrista Ricardo Gouveia.

A ideia era gravar com qualidade profissional um álbum virtual com músicas inéditas de 12 autores diferentes, tendo como tema a cidade do Rio de Janeiro. As faixas foram selecionadas com base nos critérios de qualidade profissional, potencial de desenvolvimento artístico e estética do disco.

“Além de promover o trabalho de todos os envolvidos, tanto iniciantes como profissionais já consagrados e movimentar a cadeia produtiva da música na cidade, esperamos que o disco seja um hub musical, um encontro efervescente de possibilidades. E já está sendo. Esperamos que deste belo encontro de artistas muita coisa boa, muita arte, cultura e música transborde para o público”, resume Yug.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *