AlternativoMPBPop

As Bahias e a Cozinha Mineira embalada em romantismo pandêmico

As Bahias e a Cozinha Mineira - Foto: Pedro Dimitrow

Após três trabalhos inéditos com boa aceitação, o grupo As Bahias e a Cozinha Mineira lança o EP “Enquanto Estamos Distantes”. O projeto foi gravado durante a quarentena, com cada um dos integrantes do trio em casa, e os dias de isolamento deixaram os sentimentos de Raquel Virgínia, Assucena Assucena e Rafael Acerbi no modo sensibilidade ativado. O trabalho toma o rumo do coração sem atalhos. Sem indiretas. É romântico ao cubo. “Se você quer diga logo que sou forasteira / Adivinha se gosta de mim / me agarre e me dê um beijo / E me deixa se qualquer jeito / Será este o fim”, avisa um dos versos de “Forasteira”, um R&B

Uma das novidade de “Enquanto Estamos Distantes” é a produção musical de Rafael, que coordenou todo o processo de realizar as gravações na casa de cada um. “Mesmo de casa, a gente não tem parado um instante. Foi quando surgiu da ideia de lançar músicas que estávamos produzindo durante este período de isolamento que o mundo e o Brasil têm vivido. Trabalhamos intensamente, cada um de sua casa, para levar o que de melhor As Bahias e a Cozinha Mineira tem para mostrar, que é a arte”, comenta Assucena. “Este EP foi criado com muita esperança para o público que tanto precisa de música e arte em qualquer momento da vida. Que sirva de inspiração para muitas pessoas ao redor do país e do mundo”, completa Rafael.

O lançamento do EP vem acompanhado do clipe do single “Éramos Chuva”, que abre o álbum. Trata-se de um vídeo gravado de casa com diversos artistas e convidados, entre eles Tais Araújo, Débora Nascimento, Lea T e Thelma Assis. Ouça as cinco faixas de “Enquanto Estamos Distantes”, de As Bahias e a Cozinha Mineira, aqui:

 

 

 

 

2 thoughts on “As Bahias e a Cozinha Mineira embalada em romantismo pandêmico

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *