MPB

Fabiana Santiago em estado de florescimento

Fabiana Santiago por Wendson Teixeira 1
Capa do EP ‘Florescer’, de Fabiana Santiago – Foto: Divulgação

Florescer é um ato de vida, de se reinventar, de superar as adversidades e mostrar força. É esse poder, sob a ótica da mulher do sertão, que a cantora e compositora pernambucana Fabiana Santiago faz questão de evocar em seu EP de estreia, “Florescer”. O trabalho bebe na fonte dos ritmos da cultura popular nordestina e a decifra em diversos prismas, da MPB à salsa, merengue e lambada.

Disponível em todas as plataformas digitais de áudio, o álbum também pode ser visto já que todas as faixas ganharam clipes, ou seja, o trabalho por ser classificado como um EP audiovisual. “Com 20 anos de trabalho na música, ainda não tinha um projeto pra chamar de meu. Era um desejo antigo, mas que ao mesmo tempo me causava medo, de me mostrar enquanto compositora já que minha trajetória foi inteiramente como intérprete”, conta Fabiana, que no início de 2020 começou a rabiscar a primeira canção, forçadamente tentando voltar a escrever.

“Quando a pandemia se instalou, a mistura de medo e receio aumentou: medo de deixá-la apagar o trabalho construído até aqui, junto do medo de não realizar os projetos para o ano”, comenta.

Tentando manter o processo criativo ativo e a mente em foco em meio a tempos difíceis, Fabiana começou a promover lives periódicas, semanais. O que era um processo para manter o pique dos palcos, virou uma oportunidade para criar química e personalidade própria e testar repertório. Foi nesse período de mergulho pessoal e na música que as faixas do EP surgiram.

“A sonoridade foi definida sob a ótica dos signos e símbolos nordestinos, isso surge na instrumentação, estilo, e composição. Mas tentamos não deixar de lado uma força e uma identificação que tenho com os ritmos latinos”, conta a artista.

Destaque da cena musical do sertão pernambucano, Fabiana Santiago começou sua carreira musical na adolescência e hoje traz para seu primeiro trabalho solo tudo que aprendeu em parcerias com outros artistas – desde Ednaldo Fonseca (“O Juiz Sanfoneiro”) e Targino Gondim, com quem dividiu palco como backing vocal; a artistas nordestinos consagrados como Elba Ramalho, Dominguinhos, Gilberto Gil, e Geraldo Azevedo.

Voz ativa em Petrolina, Fabiana Santiago promove o projeto Show Divas do Vale, que realiza em parceria com as artistas e empreendedoras de vários nichos do Vale do São Francisco. Trata-se de um espetáculo com repertório de artistas ribeirinhos ou que versam sobre a ótica feminina, a riqueza cultural da região, como no clipe de “Eu Sou o Sertão”, que inclui cenas nos vinhedos de Petrolina, e você assiste aqui:

Além disso, Fabiana Santiago tem em sua trajetória uma afinidade com o carnaval, incluindo uma apresentação para milhões de pessoas no Galo da Madrugada, no começo de 2020.

 

Foto em destaque de Wendson Teixeira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *